mulher vestida de acordo com a tendência old money

Tendência Old Money: conheça o estilo que está se destacando

14 setembro, 2021


7 min (tempo estimado de leitura)

A tendência old money está se destacando no mercado. Entenda mais sobre esse estilo e veja dicas de como incluir essa tendência em sua próxima coleção.

Você já ouviu falar em old money? Em tradução literal, o termo significa dinheiro velho. Esse estilo está se destacando na moda, mas traz raízes antigas.

O old money é um termo originário de locais onde, no lugar de uma classe aristocrática, via-se uma classe social elitizada de famílias que possuíam quase tanta influência e poder quanto os aristocratas.

Neste conteúdo, vamos falar sobre a origem desse conceito, a sua influência na moda, e  também trazer dicas para você aplicar o old money na sua próxima coleção. 

Continue a leitura!

 

Origem do old money

Quando falamos do termo Old Money, estamos falando de famílias com antigas linhagens dos Estados Unidos e da Europa. Que tinham ancestrais poderosos, muitas vezes ligados à fundação de cidades importantes. 

Ou seja, está associado a famílias de alto poder aquisitivo e prestígio social, uma classe dominante. Esse tipo de público trouxe a inspiração para o estilo chamado atualmente de Old Money, que é tendência hoje no universo da moda. Além disso, essa estética é muito associada ao estilo presente nos anos de 1950 e 1960, por exemplo.

montagem de duas fotos das décadas de 1950 e 1960, para demonstrar a origem do old money

Influência do old money na moda

Como você pode perceber, a origem do estilo old money está ligada a riquezas e famílias poderosas. Ou seja, é uma estética associada ao dinheiro, como o próprio termo diz. 

E essa estética está impactando a moda e se destacando no mercado. No entanto, hoje não é necessário possuir grandes fortunas, ou vir de uma origem de prestígio para aderir ao old money. 

Agora, o old money tem relação direta com uma estética vintage rica, priorizando peças de alta qualidade, que transmitem um ar de elegância e sofisticação e tenham aparência semelhante aos looks vistos nas décadas de 1950 e 1960, principalmente.

Esse estilo está ganhando destaque no mundo da moda e é preciso ficar de olho. Afinal, é uma ótima chance de se manter atualizado nas principais tendências e acertar na criação das próximas coleções. 

Além disso, também podemos classificar o old money como uma tendência que se enquadra perfeitamente na moda atemporal, o estilo vintage e a moda sustentável. Pois todas elas têm em comum a preferência por peças duráveis, de alta qualidade. 

Continue a leitura e entenda quais são os pontos chave dessa tendência e como incluir o old money na sua próxima coleção.

mulher vestida com saia, blazer e sapato social, look que mostra a influência do old money na moda

Itens-chave dessa tendência

Se fossemos resumir o estilo old money, poderíamos dizer que se trata de elegância discreta. São peças de alta qualidade, normalmente em tons opacos e neutros, que transmitem sofisticação nas produções.

Para isso, alguns itens chave desse estilo são:

  • Blazers: Blazers com modelagens inspiradas nos anos 50 e 60. Para sua coleção pense em peças com corte oversized e opções com ombros estruturados. 
  • Camisas sociais: A camisa social será a peça coringa da sua coleção, fazendo combinações com variadas opções de looks. Planeje seu mix de moda considerando essa peça como um item básico. 
  • Blusas de lã: Um item cada vez mais popular e que traz o ar artesanal à coleção, as blusas de lã. São as queridinhas do público que aderiu ao estilo Slow Living e, agora, são muito utilizadas pelos adeptos do Old money. 
  • Alfaiataria: Chegamos no item principal dessa tendência, peças com modelagens e confecção em estilo alfaiataria. O estilo vem se tornando cada vez mais popular e com muitas das modelagens feitas sob medida. 
  • Oxfords e sapatos sociais: Nada combina mais com um visual clássico do que sapatos sociais e o preferido do Verão 2020, modelo oxford. Pense nesses modelos para sua produção de moda. 
  • Acessórios como chapéus, broches, lenços e luvas: Delicados ou mais ousados, o importante é manter a elegância. Acessórios como estes são indispensáveis para fechar uma coleção com muito estilo. 

Além disso, normalmente são peças de alto valor agregado. Porém, o estilo old money é discreto. Como mencionamos, sem a necessidade de “ostentar.” As peças não contém logos de marcas famosas, por exemplo.

A elegância vem da sutileza e, além de estar presente na moda, o old money também pode ser considerado um estilo de vida. Afinal, trata da elegância em todos os aspectos, desde o comportamento, até o cuidado com o corpo e a postura. 

mulher usando camisa social e lenço, itens chave da tendência old money

Como aplicar na sua coleção

Como você pode perceber, o old money apresenta alguns aspectos principais, como a alta qualidade das peças, tecidos diferenciados e produções clássicas.

Se você deseja investir nesse estilo para sua próxima coleção, temos algumas dicas:

Opte sempre por materiais de qualidade: Um dos pontos-chave da tendência old money são as peças duráveis. Para isso, prefira sempre tecidos de qualidade. Além disso, tenha atenção aos aviamentos e materiais usados nas costuras. Eles também devem garantir a durabilidade das peças.

Você pode trabalhar com uma coleção cápsula: outro princípio dessa tendência é priorizar a qualidade ao invés da quantidade. Por isso, muitas vezes não é necessário comprar várias peças. Mas sim alguns poucos itens que podem ser utilizados com frequência em diversas produções. Assim, você pode optar por trabalhar com uma coleção cápsula, com os principais itens dessa tendência.

Opte por uma paleta de cores discreta: no old money não é preciso criar peças com cores saturadas, que chamem muita atenção. Pelo contrário, normalmente os tons são neutros, como bege, cinza claro, branco e preto. Assim, o que se destaca é a elegância e sofisticação da produção, e não a cor da peça.

Lembre-se que o mix de moda da coleção não precisa ser sem graça: não é porque trabalhamos com cores neutras e peças mais clássicas que as coleções old money são sem graça. Pelo contrário, com as peças chave é possível criar combinações incríveis e cheias de estilo. Então lembre-se disso na hora de definir as peças da sua coleção.

mulher com look no estilo old money

E aí, o que você achou do estilo old money? Se você gosta de se manter atualizado nas principais tendências da moda, para oferecer ao seu público as peças que estão presentes nas ruas e passarelas, vale a pena ficar de olho nessa tendência.

Continue acompanhando nosso blog para ficar por dentro das principais tendências do universo têxtil e acessar muitos conteúdos relacionados à confecção.


Deixe um comentário